Ezequiel

Capítulo Versículos Trecho
1 1-3 Introdução
4-28 Visão do “carro de Iahweh”
2 1-10 Visão do livro
3 1-15
16-21 O profeta como espia
22-27 Ezequiel privado da palavra I. Antes do cerco de Jerusalém
4 1-17 Anúncio do cerco de Jerusalém
5 1-17
6 1-10 Contra os montes de Israel
11-14 Os pecados de Israel
7 1-14 O fim próximo
15-27 Os pecados de Israel
8 1-18 Visão dos pecados de Jerusalém
9 1-11 O castigo
10 1-17
18-22 A Glória de Iahweh deixa o Templo
11 1-13 Ainda os pecados de Jerusalém
14-21 A nova aliança prometida aos exilados
22-25 A Glória de Iahweh deixa Jerusalém
12 1-20 A mímica do emigrante
21-28 Provérbios populares
13 1-16 Contra os falsos profetas
17-23 As falsas profetisas
14 1-11 Contra a idolatria
12-23 Responsabilidade pessoal
15 1-8 Parábola da vinha
16 1-63 História simbólica de Jerusalém
17 1-24 Alegoria da águia
18 1-32 Responsabilidade pessoal
19 1-14 Lamentação sobre os príncipes de Israel
20 1-44 História das infidelidades de Israel
21 1-23 A espada de Iahweh
23-32 O rei da Babilônia na encruzilhada
33-37 O castigo de Amon
22 1-31 Os crimes de Jerusalém
23 1-49 História simbólica de Jerusalém e de Samaria
24 1-14 Anúncio do cerco de Jerusalém
15-27 Provações do profeta
25 1-7 Contra os amonitas II. Oráculos contra as nações
8-11 Contra Moab
12-14 Contra Edom
15-17 Contra os filisteus
26 1-14 Contra Tiro
15-21 Lamentação sobre Tiro
27 1-36 Segunda lamentação sobre a queda de Tiro
28 1-10 Contra o rei de Tiro
11-19 A queda do rei de Tiro
20-23 Contra Sidônia
24-26 Israel libertado das nações
29 1-21 Contra o Egito
30 1-26 O dia de Iahweh contra o Egito
31 1-18 O cedro
32 1-16 O crocodilo
17-32 Descida do Faraó ao Xeol
33 1-9 O profeta como atalaia III. Durante e após o cerco de Jerusalém
10-20 Conversão e perversão
21-22 A tomada da cidade
23-29 A devastação da terra
30-33 Resultados da pregação
34 1-31 Os pastores de Israel
35 1-15 Contra os montes de Edom
36 1-38 Oráculo sobre os montes de Israel
37 1-14 Os ossos secos
15-28 Judá e Israel reunidos em um só reino
38 1-23 Contra Gog, rei de Magog
39 1-20
21-29 Conclusão
40 1-4 O templo futuro IV. A “Torá” de Ezequiel
5 O muro exterior
6-16 O pórtico oriental
17-19 O átrio exterior
20-23 O pórtico setentrional
24-27 O pórtico meridional
28-31 O átrio interior. Pórtico meridional
32-34 O pórtico oriental
35-37 O pórtico setentrional
38-46 Anexos dos pórticos
47 O átrio interior
48-49 O Templo. O Ulam
41 1-2 O Hekal
3-4 O Debir
5-11 As celas laterais
12-15a O edifício ocidental
15b-21a Ornamentação interior
21b-22 O altar de madeira
23-26 As portas
42 1-14 Dependências do Templo
15-20 Dimensões do átrio
43 1-12 A volta de Iahweh
13-17 O altar
18-27 Consagração do altar
44 1-3 Uso do pórtico oriental
4-9 Regras de admissão no Templo
10-14 Os levitas
15-31 Os sacerdotes
45 1-6 Partilha da terra. A parte de Iahweh
7-12 A porção do príncipe
13-17 Oferendas para o culto
18-24 A festa da Páscoa
25 A festa das Tendas
46 1-24 Regulamentos diversos
47 1-22 A fonte do Templo
13-23 Limites da terra
48 1-29 A partilha da terra
30-35 As portas de Jerusalém

Fonte: Bíblia de Jerusalém.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s