Teoria do Valor Subjetivo

Como o Marxismo hoje em dia é praticamente “o ar que respiramos”, em termos econômicos, alguns podem pensar que a Teoria do Valor Subjetivo foi criada para refutá-lo. Mas não. Luis Saravía de la Calle, no século XVI, já se sabia que o preço não é produto dos custos envolvidos em sua produção, conforme abaixo (o grifo é meu):

Aqueles que medem o justo preço pelo trabalho, custos e riscos que corre a pessoa que comercia ou produz uma mercadoria, ou pelo custo do transporte e despesas de viagem […], ou pelo que o fabricante tem de pagar pela produção, riscos e mão de obra, cometem um grande erro, e erro ainda maior cometem aqueles que admitem um lucro de vinte ou dez por cento. Porque o justo preço tem origem na abundância ou escassez de mercadorias, comerciantes e dinheiro […], e não nos custos, trabalho e risco. Se tivéssemos de tomar em consideração o trabalho e risco para avaliar o justo preço, nenhum comerciante jamais sofreria perdas, nem se levaria em conta a abundância ou escassez de mercadorias. Os preços não são normalmente fixados com base nos custos. Por que um fardo de linho, trazido por via terrestre da Inglaterra com grande dispêndio, há de valer mais que um transportado por mar, com um gasto bem menor? Por que um livro escrito a mão há de valer mais que um impresso, quando este último tem os seus custos de produção mais bem planejados? O justo preço não depende dos custos, mas de como se avalia geralmente um bem.

Fonte: Citação em “Como a Igreja Católica Construiu a Civilização Ocidental“, de Thomas E. Woods Jr., pág. 151.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s