Novo Testamento

Parte Livro Capítulo Versículos Trecho
Evangelhos Segundo São Mateus 1 1-17 Ascendência de Jesus I. O nascimento e a infância de Jesus
18-25 José assume a paternidade legal de Jesus
2 1-12 A visita dos magos
13-18 Fuga para o Egito e massacre dos inocentes
19-23 Retorno do Egito e estabelecimento em Nazaré
3 1-12 Pregação de João Batista II. A promulgação do Reino dos Céus 1. Parte narrativa
13-17 Batismo de Jesus
4 1-11 Tentação no deserto
12-17 Retorno à Galileia
18-22 Chamado dos quatro primeiros discípulos
23-25 Jesus ensina e cura
5 1-12 As bem-aventuranças 2. Discurso: o sermão sobre a montanha
13-16 Sal da terra e luz do mundo
17-19 O cumprimento da Lei
20-48 A nova justiça é superior à antiga
6 1-4 A esmola em segredo
5-6 Orar em segredo
7-15 A verdadeira oração. O Pai-nosso
16-18 Jejuar em segredo
19-21 O verdadeiro tesouro
22-23 O olho é a lâmpada do corpo
24 Deus e o Dinheiro
25-34 Abandonar-se à Providência
7 1-5 Não julgar
6 Não profanar as coisas santas
7-11 Eficácia da oração
12 A regra de ouro
13-14 Os dois caminhos
15-20 Os falsos profetas
21-27 Os verdadeiros discípulos
28-29 Espanto da multidão
8 1-4 Cura de um leproso III. A pregação do Reino dos Céus 1. Parte narrativa: dez milagres
5-13 Cura do servo de um centurião
14-15 Cura da sogra de Pedro
16-17 Diversas curas
18-22 Exigências da vocação apostólica
23-27 A tempestade acalmada
28-34 Os endemoninhados gadarenos
9 1-8 Cura de um paralítico
9 Chamado de Mateus
10-13 Refeição com os pecadores
14-17 Discussão sobre o jejum
18-26 Cura de uma hemorroíssa e ressurreição da filha de um chefe
27-31 Cura de dois cegos
32-34 Cura de um endemoninhado mudo
35-38 Miséria da multidão
10 1-16 Missão dos Doze 2. Discurso apostólico
17-25 Os missionários serão perseguidos
26-33 Falar abertamente e sem medo
34-36 Jesus, causa de divisões
37-39 Renunciar a si mesmo para seguir a Jesus
40-42 Conclusão do discurso apostólico
11 1 IV. O mistério do Reino dos Céus 1. Parte narrativa
2-15 Pergunta de João Batista e testemunho que lhe presta Jesus
16-19 Julgamento de Jesus sobre sua geração
20-24 Desgraça para as cidades às margens do lago
25-27 O Evangelho revelado aos simples. O Pai e o Filho
28-30 Jesus é o mestre com fardo leve
12 1-8 As espigas arrancadas
9-14 Cura de um homem com a mão atrofiada
15-21 Jesus é o “Servo de Iahweh”
22-32 Jesus e Beelzebu
33-37 As palavras manifestam o coração
38-42 O sinal de Jonas
43-45 Retorno ofensivo do espírito impuro
46-50 Os verdadeiros parentes de Jesus
13 1-3a Introdução 2. Discurso em parábolas
3b-9 Parábola do semeador
10-17 Por que Jesus fala em parábolas
18-23 Explicação da parábola do semeador
24-30 Parábola do joio
31-32 Parábola do grão de mostarda
33 Parábola do fermento
34-35 As multidões só entendem parábolas
36-43 Explicação da parábola do joio
44-46 Parábolas do tesouro e da pérola
47-50 Parábola da rede
51-52 Conclusão
53-58 Visita a Nazaré V. A Igreja, primícias do Reino dos Céus 1. Parte narrativa
14 1-2 Herodes e Jesus
3-12 Execução de João Batista
13-21 Primeira multiplicação dos pães
22-33 Jesus caminha sobre as águas e Pedro com ele
34-36 Curas na terra de Genesaré
15 1-9 Discussão sobre as tradições dos fariseus
10-20 Ensinamento sobre o puro e o impuro
21-28 Cura da filha de uma mulher cananeia
29-31 Numerosas curas junto ao lago
32-39 Segunda multiplicação dos pães
16 1-4 Pede-se a Jesus um sinal no céu
5-12 O fermento dos fariseus e dos saduceus
13-20 Profissão de fé e primado de Pedro
21-23 Primeiro anúncio da paixão
24-28 Condições para seguir a Jesus
17 1-8 A transfiguração
9-13 Uma pergunta a respeito de Elias
14-21 O endemoninhado epilético
22-23 Segundo anúncio da Paixão
24-27 O tributo para o Templo pago por Jesus e por Pedro
18 1-4 Quem é o maior? 2. Discurso eclesiástico
5-11 O escândalo
12-14 A ovelha desgarrada
15-18 Correção fraterna
19-20 Oração em comum
21-22 Perdão das ofensas
23-35 Parábola do devedor implacável
19 1-9 Perguntas pobre o divórcio VI. O advento próximo do Reino dos Céus 1. Parte narrativa
10-12 A continência voluntária
13-15 Jesus e as crianças
16-22 O moço rico
23-26 O perigo das riquezas
27-30 Recompensa prometida ao desprendimento
20 1-16 Parábola dos trabalhadores enviados à vinha
17-19 Terceiro anúncio da paixão
20-23 Pedido da mãe dos filhos de Zebedeu
24-28 Os chefes devem servir
29-34 Os dois cegos de Jericó
21 1-11 Entrada messiânica em Jerusalém
12-17 Os vendedores expulsos do Templo
18-22 A figueira estéril e seca. Fé e oração
23-27 Pergunta dos judeus sobre a autoridade de Jesus
28-32 Parábola dos dois filhos
33-46 Parábola dos vinhateiros homicidas
22 1-14 Parábola do banquete nupcial
15-22 O tributo a César
23-33 A ressurreição dos mortos
34-40 O maior mandamento
41-46 O Cristo, filho e Senhor de Davi
23 1-12 Hipocrisia e vaidade dos escribas e dos fariseus
13-32 Sete ameaças contra os escribas e os fariseus
33-36 Crimes e castigos iminentes
37-39 Palavra sobre Jerusalém
24 1-3 Introdução 2. Discurso escatológico
4-14 O princípio das dores
15-25 A grande tribulação de Jerusalém
26-28 A vinda do Filho do Homem será manifesta
29-31 A amplitude cósmica desse acontecimento
32-36 Parábola da figueira
37-44 Vigiar para não ser surpreendido
45-51 Parábola do mordomo
25 1-13 Parábola das dez virgens
14-30 Parábola dos talentos
31-46 O último julgamento
26 1-5 Conspiração contra Jesus VII. A paixão e a ressurreição
6-13 A unção em Betânia
14-16 A traição de Judas
17-19 Preparativos para a ceia pascal
20-25 Anúncio da traição de Judas
26-29 Instituição da eucaristia
30-35 A negação de Pedro é predita
36-46 No Getsêmani
47-56 Prisão de Jesus
57-68 Jesus perante o Sinédrio
69-75 Negações de Pedro
27 1-2 Jesus é conduzido à presença de Pilatos
3-10 Morte de Judas
11-26 Jesus diante de Pilatos
27-31 A coroação de espinhos
32-38 A crucifixão
39-44 Jesus na cruz é escarnecido e injuriado
45-56 A morte de Jesus
57-61 O sepultamento
62-66 A guarda do túmulo
28 1-8 O túmulo vazio. A mensagem do Anjo
9-10 A aparição às santas mulheres
11-15 A astúcia dos chefes judaicos
16-20 A aparição de Jesus na Galileia e a missão universal
Segundo São Marcos 1 1-8 Pregação de João Batista I. A preparação do ministério de Jesus
9-11 Batismo de Jesus
12-13 Tentação no deserto
14-15 Jesus inaugura sua pregação II. O ministério de Jesus na Galileia
16-20 Vocação dos quatro primeiros discípulos
21-28 Jesus ensina em Cafarnaum e cura um endemoninhado
29-31 Cura da sogra de Pedro
32-34 Diversas curas
35-39 Jesus deixa secretamente Cafarnaum e percorre a Galileia
40-45 Cura de um leproso
2 1-12 Cura de um paralítico
13-14 Chamado de Levi
15-17 Refeição com os pecadores
18-22 Debate sobre o jejum
23-28 As espigas arrancadas
3 1-6 Cura do homem com a mão atrofiada
7-12 As multidões seguem a Jesus
13-19 Instituição dos Doze
20-21 Providências da família de Jesus
22-30 Calúnia dos escribas
31-35 Os verdadeiros parentes de Jesus
4 1-9 Parábola do semeador
10-12 Por que Jesus fala em parábolas
13-20 Explicação da parábola do semeador
21-25 Como receber e transmitir o ensinamento de Jesus
26-29 Parábola da semente que germina por si só
30-32 Parábola do grão de mostarda
33-34 Conclusão sobre as parábolas
35-41 A tempestade acalmada
5 1-20 O endemoninhado geraseno
21-43 Cura da hemorroíssa e ressurreição da filha de Jairo
6 1-6a Visita a Nazaré
6b-13 Missão dos Doze
14-16 Herodes e Jesus
17-29 Execução de João Batista
30-44 Primeira multiplicação dos pães
45-52 Jesus caminha sobre as águas
53-56 Curas na região de Genesaré
7 1-13 Discussão sobre as tradições farisaicas
14-23 Ensinamento sobre o puro e o impuro
24-30 Cura da filha de uma siro-fenícia III. Viagens de Jesus fora da Galileia
31-37 Cura de um surdo-gago
8 1-10 Segunda multiplicação dos pães
11-13 Os fariseus pedem um sinal no céu
14-21 O fermento dos fariseus e de Herodes
22-26 Cura de um cego em Betsaida
27-30 Profissão de fé de Pedro
31-33 Primeiro anúncio da paixão
34-38 Condições para seguir a Jesus
9 1
2-8 A transfiguração
9-13 Questão sobre Elias
14-29 O epilético endemoninhado
30-32 Segundo anúncio da paixão
33-37 Quem é o maior
38-40 Uso do nome de Jesus
41 Caridade para com os discípulos
42-50 O escândalo
10 1-12 Discussão sobre o divórcio
13-16 Jesus e as crianças
17-22 O homem rico
23-27 O perigo das riquezas
28-31 Recompensa prometida pelo desprendimento
32-34 Terceiro anúncio da paixão
35-40 O pedido dos filhos Zebedeu
41-45 Os chefes devem servir
46-52 O cego à saída de Jericó
11 1-11 Entrada messiânica em Jerusalém IV. O ministério de Jesus em Jerusalém
12-14 A figueira estéril
15-19 Os vendedores expulsos do Templo
20-26 A figueira seca. Fé e oração
27-33 Questão dos judeus sobre a autoridade de Jesus
12 1-12 Parábola dos vinhateiros homicidas
13-17 O imposto a César
18-27 A ressurreição dos mortos
28-34 O primeiro mandamento
35-37 O Cristo, filho e Senhor de Davi
38-40 Os escribas julgados por Jesus
41-44 O óbolo da viúva
13 1-4 Discurso escatológico. Introdução
5-13 O princípio das dores
14-23 A grande tribulação de Jerusalém
24-27 Manifestação gloriosa do Filho do Homem
28-32 Parábola da figueira
33-37 Vigiar para não ser surpreendido
14 1-2 Conspiração contra Jesus V. A paixão e a ressurreição de Jesus
3-9 A unção em Betânia
10-11 A traição de Judas
12-16 Preparativos para a ceia pascal
17-21 Anúncio da traição de Judas
22-25 Instituição da eucaristia
26-31 Predição da negação de Pedro
32-42 No Getsêmani
43-52 A prisão de Jesus
53-65 Jesus perante o Sinédrio
66-72 Negações de Pedro
15 1-15 Jesus perante Pilatos
16-20a A coroação de espinhos
20b-22 O caminho da cruz
23-28 A crucifixão
29-32 Jesus é escarnecido e injuriado na cruz
33-39 A morte de Jesus
40-41 As santas mulheres no Calvário
42-47 O sepultamento
16 1-8 O túmulo vazio. Mensagem do Anjo
9-20 Aparições de Jesus ressuscitado
Segundo São Lucas 1 1-4 Prólogo
5-25 Anúncio do nascimento de João Batista I. Nascimento e vida oculta de João Batista e de Jesus
26-38 A anunciação
39-45 A visitação
46-56 O Magnificat
57-58 Nascimento de João Batista e visita dos vizinhos
59-66 Circuncisão de João Batista
67-79 O Benedictus
80 Vida oculta de João Batista
2 1-20 Nascimento de Jesus e visita dos pastores
21 Circuncisão de Jesus
22-28 Apresentação de Jesus no Templo
29-32 O Nunc Dimittis
33-35 Profecia de Simeão
36-38 Profecia de Ana
39-40 Vida oculta de Jesus em Nazaré
41-50 Jesus entre os doutores
51-52 Ainda a vida oculta em Nazaré
3 1-18 Pregação de João Batista II. Preparação do ministério de Jesus
19-20 Prisão de João Batista
21-22 Batismo de Jesus
23-38 Genealogia de Jesus
4 1-13 Tentação no deserto
14-15 Jesus inaugura sua pregação III. Ministério de Jesus na Galileia
16-30 Jesus em Nazaré
31-37 Jesus ensina em Cafarnaum e cura um endemoninhado
38-39 Cura da sogra de Simão
40-41 Diversas curas
42-44 Jesus deixa secretamente Cafarnaum e percorre a Judeia
5 1-11 Vocação dos quatro primeiros discípulos
12-16 Cura de um leproso
17-26 Cura de um paralítico
27-28 Vocação de Levi
29-32 Refeição com os pecadores na casa de Levi
33-39 Discussão sobre o jejum
6 1-5 As espigas arrancadas
6-11 Cura de um homem com a mão atrofiada
12-16 Escolha dos Doze
17-19 As multidões seguem a Jesus
20-23 Discurso inaugural. As bem-aventuranças
24-26 As maldições
27-35 O amor aos inimigos
36-38 Misericórdia e gratuidade
39-45 Condições do zelo
46-49 Necessidade da prática
7 1-10 Cura do servo de um centurião
11-17 Ressurreição do filho da viúva de Naim
18-30 Pergunta de João Batista e testemunho que lhe presta Jesus
31-35 Julgamento de Jesus sobre sua geração
36-50 A pecadora perdoada
8 1-3 Mulheres que seguem a Jesus
4-8 Parábola do semeador
9-10 Por que Jesus fala em parábolas
11-15 Explicação da parábola do semeador
16-18 Como receber e transmitir o ensinamento de Jesus
19-21 Os verdadeiros parentes de Jesus
22-25 A tempestade acalmada
26-39 O endemoninhado geraseno
40-56 Cura de uma hemorroíssa e ressurreição da filha de Jairo
9 1-6 Missão dos Doze
7-9 Herodes e Jesus
10-17 Volta dos apóstolos e multiplicação dos pães
18-21 Profissão de fé de Pedro
22 Primeiro anúncio da paixão
23-26 Condições para seguir a Jesus
27 A vinda próxima do Reino
28-36 A transfiguração
37-43a O endemoninhado epilético
43b-45 Segundo anúncio da paixão
46-48 Quem é o maior
49-50 Uso do nome de Jesus
51-56 Má acolhida num povoado da Samaria IV. A subida para Jerusalém
57-62 Exigências da vocação apostólica
10 1-16 Missão dos setenta e dois discípulos
17-20 Qual é o motivo de alegria para os apóstolos
21-22 O Evangelho revelado aos simples. O Pai e o Filho
23-24 O privilégio dos discípulos
25-28 O grande mandamento
29-37 Parábola do bom samaritano
38-42 Marta e Maria
11 1-4 O Pai-nosso
5-8 O amigo importuno
9-13 Eficácia da oração
14-22 Jesus e Beelzebu
23 Intransigência de Jesus
24-26 Retorno ofensivo do espírito impuro
27-28 A verdadeira bem-aventurança
29-32 O sinal de Jonas
33-36 Dois ditos sobre a lâmpada
37-54 Contra os fariseus e os legistas
12 1-12 Falar abertamente e sem temor
13-21 Não entesourar
22-32 Abandonar-se à Providência
33-34 Vender os bens e distribuir aos pobres
35-48 Prontidão para o retorno do Mestre
49-50 Jesus diante de sua paixão
51-53 Jesus, causa de divisões
54-59 Discernir os sinais dos tempos
13 1-5 Convites providenciais ao arrependimento
6-9 Parábola da figueira estéril
10-17 Cura da mulher encurvada, em dia de sábado
18-19 Parábola do grão de mostarda
20-21 Parábola do fermento
22-30 A porta estreita, a rejeição dos judeus infiéis e o chamado dos pagãos
31-33 Herodes, uma raposa
34-35 Palavra sobre Jerusalém
14 1-6 Cura de um hidrópico em dia de sábado
7-11 A escolha dos lugares
12-14 A escolha dos convidados
15-24 Os convidados que recusam o banquete
25-27 Renunciar ao que temos de mais caro
28-33 Renúncia a todos os bens
34-35 Não se tomar insosso
15 1-3 As três parábolas da misericórdia
4-7 A ovelha perdida
8-10 A dracma perdida
11-32 O filho perdido e o filho fiel: o “filho pródigo”
16 1-8 O administrador infiel
9-13 O bom emprego do dinheiro
14-15 Contra os fariseus, amigos do dinheiro
16 Assalto ao Reino
17 Perenidade da Lei
18 Indissolubilidade do matrimônio
19-31 O mau rico e o pobre Lázaro
17 1-3a O escândalo
3b-4 Correção fraterna
5-6 Poder da fé
7-10 Servir com humildade
11-19 Os dez leprosos
20-21 A vinda do Reino de Deus
22-37 O Dia do Filho do Homem
18 1-8 O juiz iníquo e a viúva importuna
9-14 O fariseu e o publicano
15-17 Jesus e as criancinhas
18-23 O rico de notável posição
24-27 O perigo das riquezas
28-30 Recompensa prometida ao desapego
31-34 Terceiro anúncio da paixão
35-43 O cego de Jericó
19 1-10 Zaqueu
11-27 Parábola das minas
28-38 Entrada messiânica em Jerusalém V. Ministério de Jesus em Jerusalém
39-40 Jesus aprova as aclamações de seus discípulos
41-44 Lamentação sobre Jerusalém
45-46 Os vendedores expulsos do Templo
47-48 Ensinamento no Templo
20 1-8 Pergunta dos judeus sobre a autoridade de Jesus
9-19 Parábola dos vinhateiros homicidas
20-26 O tributo a César
27-40 A ressurreição dos mortos
41-44 Cristo, filho e Senhor de Davi
45-47 Jesus julga os escribas
21 1-4 A oferta da viúva
5-7 Discurso sobre a ruína de Jerusalém. Introdução
8-19 Os sinais precursores
20-23a O cerco
23b-24 A catástrofe e os tempos dos pagãos
25-28 As catástrofes cósmicas e a manifestação gloriosa do Filho do Homem
29-33 Parábola da figueira
34-36 Vigiar para não ser surpreendido
37-38 Os últimos dias de Jesus
22 1-6 Conspiração contra Jesus e traição de Judas VI. A paixão
7-13 Preparativos da ceia pascal
14-18 A ceia pascal
19-20 Instituição da eucaristia
21-23 Anúncio da traição de Judas
24-27 Quem é o maior?
28-30 Recompensa prometida aos apóstolos
31-34 Anúncio da negação e da conversão de Pedro
35-38 A hora do combate decisivo
39-46 No monte das Oliveiras
47-53 Prisão de Jesus
54-62 Negações de Pedro
63-65 Primeiros ultrajes
66-71 Jesus diante do Sinédrio
23 1
2-7 Jesus perante Pilatos
8-12 Jesus perante Herodes
13-25 Jesus novamente diante de Pilatos
26-32 A caminho do Calvário
33-34 A crucifixão
35-38 Jesus na cruz, sujeito à zombaria e ultrajes
39-43 O “bom ladrão”
44-46 A morte de Jesus
47-49 Após a morte de Jesus
50-56 O sepultamento
24 1-8 24 O sepulcro vazio. Mensagem dos anjos VII. Após a ressurreição
9-11 Os apóstolos recusam o testemunho das mulheres
12 Pedro junto ao túmulo
13-35 Os dois discípulos de Emaús
36-43 Jesus aparece aos apóstolos
44-49 Últimas instruções aos apóstolos
50-53 A ascensão
Segundo São João 1 1-18 Prólogo
19-34 O testemunho de João O ministério de Jesus 1. O anúncio da nova economia A. A semana inaugural
35-51 Os primeiros discípulos
2 1-12 As núpcias de Caná
13-22 A purificação do Templo B. A primeira Páscoa
23-25 Estada em Jerusalém
3 1-21 O encontro com Nicodemos
22-36 Ministério de Jesus na Judeia. Último testemunho de João
4 1-42 Jesus entre os samaritanos
43-45 Jesus na Galileia
46-54 Segundo sinal em Caná: cura do filho de um funcionário real
5 1-18 Cura de um enfermo na piscina de Betesda 2. Segunda festa em Jerusalém (primeira oposição à revelação)
19-47 Discurso sobre a obra do Filho
6 1-15 A multiplicação dos pães 3. A Páscoa do pão da vida (nova oposição à revelação)
16-21 Jesus vem ao encontro de seus discípulos, caminhando sobre o mar
22-66 Discurso na sinagoga de Cafarnaum
67-71 A confissão de Pedro
7 1-24 Jesus sobe a Jerusalém para a festa e ensina 4. A festa das tendas (a grande revelação messiânica, a grande rejeição)
25-30 Discussões do povo sobre a origem de Cristo
31-36 Jesus anuncia a sua próxima partida
37-39 A promessa da água viva
40-52 Novas discussões sobre a origem de Cristo
53 A mulher adúltera
8 1-11
12 Jesus, luz do mundo
13-30 Discussão sobre o testemunho que Jesus dá de si mesmo
31-59 Jesus e Abraão
9 1-41 Cura de um cego de nascença
10 1-21 O bom pastor
22-39 A verdadeira identidade de Jesus 5. A festa da dedicação (a decisão de matar Jesus)
40-42 Jesus se retira de novo para o outro lado do Jordão
11 1-44 Ressurreição de Lázaro
45-54 Os chefes judeus decidem a morte de Jesus
55-57 A aproximação da Páscoa 6. Fim do ministério público e preliminares da última Páscoa
12 1-11 A unção de Betânia
12-19 Entrada messiânica de Jesus em Jerusalém
20-36 Jesus anuncia a sua glorificação através da morte
37-50 Conclusão: a incredulidade dos judeus
13 1-20 O lava-pés A hora de Jesus – A Páscoa do Cordeiro de Deus 1. A última ceia de Jesus com seus discípulos
21-30 O anúncio da traição de Judas
31-38 A despedida
14 1-31
15 1-17 A verdadeira videira
18-27 Os discípulos e o mundo
16 1-4a
4b-15 A vinda do Paráclito
16-33 Anúncio de pronto retorno
17 1-26 A oração de Jesus
18 1-11 A prisão de Jesus 2. A paixão
12-27 Jesus diante de Anás e Caifás. Negações de Pedro
28-40 Jesus diante de Pilatos
19 1-11
12-16a A condenação à morte
16b-22 A crucifixão
23-24 A partilha das vestes
25-27 Jesus e sua mãe
28-30 A morte de Jesus
31-37 O golpe de lança
38-42 O sepultamento
20 1-10 O sepulcro encontrado vazio 3. O dia da ressurreição
11-18 Aparição a Maria Madalena
19-29 Aparição aos discípulos
30-31 4. A primeira conclusão
21 1-23 Aparição à margem do lago de Tiberíades Epílogo
24-25 Conclusão
Atos dos Apóstolos 1 1-5 Prólogo
6-11 A Ascensão
12-14 O grupo dos apóstolos I. A Igreja de Jerusalém
15-26 Substituição de Judas
2 1-13 O Pentecostes
14-36 Discurso de Pedro à multidão
37-41 Primeiras conversões
42-47 A primeira comunidade cristã
3 1-10 Cura de um aleijado
11-26 Discurso de Pedro ao povo
4 1-22 Pedro e João diante do Sinédrio
23-31 Oração dos apóstolos na perseguição
32-35 A primeira comunidade cristã
36-37 A generosidade de Barnabé
5 1-11 A fraude de Ananias e de Safira
12-16 Quadro de conjunto
17-21a Prisão e libertação miraculosa dos apóstolos
22b-33 Comparecimento diante do Sinédrio
34-42 Intervenção de Gamaliel
6 1-7 Instituição dos Sete II. As primeiras missões
8-15 Prisão de Estêvão
7 1-54 Discurso de Estêvão
55-60 Apedrejamento de Estêvão. Saulo perseguidor.
8 1-3
4-8 Filipe na Samaria
9-25 Simão, o mago
26-40 Filipe batiza um eunuco
9 1-19a Vocação de Saulo
19b-25 Pregação de Saulo em Damasco
26-30 Visita de Saulo a Jerusalém
31 Período de tranqüilidade
32-35 Pedro cura um paralítico em Lida
36-43 Pedro ressuscita uma mulher em Jope
10 1-33 Pedro vai à casa de um centurião romano
34-43 Discurso de Pedro em casa de Cornélio
44-48 Batismo dos primeiros gentios
11 1-18 Em Jerusalém, Pedro justifica sua conduta
19-26 Fundação da igreja de Antioquia
27-30 Barnabé e Saulo enviados a Jerusalém
12 1-19 Prisão de Pedro e sua libertação miraculosa
20-23 A morte do perseguidor
24-25 Barnabé e Saulo voltam a Antioquia
13 1-3 O envio em missão III. Missão de Barnabé e de Paulo. O Concílio de Jerusalém
4-12 Em Chipre. O mago Elimas
13-16a Chegada a Antioquia da Pisídia
16b-43 Pregação de Paulo diante dos judeus
44-52 Paulo e Barnabé dirigem-se aos gentios
14 1-7 Evangelização de Icônio
8-18 Cura de um aleijado
19-28 Fim da missão
15 1-4 Controvérsia em Antioquia
5-7a Controvérsia em Jerusalém
7b-12 Discurso de Pedro
13-21 Discurso de Tiago
22-29 A carta apostólica
30-35 A delegação a Antioquia
36-40 Paulo separa-se de Barnabé e escolhe Silas IV. As missões de Paulo
41 Na Licaônia, Paulo escolhe Timóteo
16 1-5
6-10 Travessia da Ásia Menor
11-15 Chegada a Filipos
16-24 Prisão de Paulo e Silas
25-40 Libertação maravilhosa dos missionários
17 1-9 Em Tessalônica. Dificuldades com os judeus.
10-15 Novas dificuldades em Bereia
16-22a Paulo em Atenas
22b-34 Discurso de Paulo no Areópago
18 1-11 Fundação da igreja de Corinto
12-17 Paulo entregue à justiça pelos judeus
18-23 Volta a Antioquia e partida para a terceira viagem
24-28 Apolo
19 1-7 Discípulos de Jesus em Éfeso
8-10 Fundação da igreja de Éfeso
11-20 Os exorcistas judeus V. Fim das missões
21-22 Projetos de Paulo
23-40 Em Éfeso. O motim dos ourives
20 1-6 Paulo deixa Éfeso
7-12 Em Trôade. Paulo ressuscita um morto
13-16 De Trôade a Mileto
17-38 Adeus aos anciãos de Éfeso
21 1-14 Subida a Jerusalém
15-26 Chegada de Paulo a Jerusalém
27-40 Prisão de Paulo
22 1-21 Discurso de Paulo aos judeus de Jerusalém
22-29 Paulo, cidadão romano
30 Comparecimento diante do Sinédrio
23 1-11
12-22 Conjuração dos judeus contra Paulo
23-35 Transferência de Paulo para Cesareia
24 1-10a Processo diante de Félix
10b-21 Defesa de Paulo perante o governador romano
22-27 Detenção de Paulo em Cesareia
25 1-12 Paulo apela para César
13-27 Paulo comparece perante o rei Agripa
26 1
2-23 Discurso de Paulo perante o rei Agripa
24-32 Reações do auditório
27 1-8 Partida para Roma
9-44 A tempestade e o naufrágio
28 1-10 Permanência em Malta
11-16 De Malta a Roma
17-22 Tomada de contato com os judeus de Roma
23-29 Declaração de Paulo aos judeus de Roma
30-31 Epílogo
Epístolas de São Paulo Romanos 1 1-7 Endereço
8-15 Ação de graças e oração
16-17 A tese da epístola
18-32 O julgamento já realizado A salvação pela fé 1. Como o homem é justificado? A. Todos os homens sem exceção sob o julgamento de Deus
2 1-16 A ira futura, para todos
17-29 Apóstrofe ao judeu não observante
3 1-8 Deus não é mais justo?
9-20 Todos são passíveis de julgamento
21-31 Revelação da justiça de Deus B. A justiça de Deus unicamente pela fé
4 1-25 Prova pela Escritura
5 1-11 A justificação, penhor de salvação 2. O homem justificado a caminho da salvação
12-21 Adão e Jesus Cristo
6 1-14 A. A vida com Cristo
15-23 O crente a serviço da justiça
7 1-6
7-13 O papel passado da Lei B. O homem sem Cristo sob o pecado
14-25 O homem entregue ao pecado
8 1-13 A vida no Espírito C. A vida do crente no Espírito
14-17 Filhos de Deus graças ao Espírito
18-27 Destinados à glória
28-30 O plano da salvação
31-39 Hino ao amor de Deus
9 1-5 Situação e salvação de Israel
6-13 1. A palavra de Deus não falhou
14-24 Deus não é injusto
25-29 A misericórdia de Deus
30-33 2. As razões da situação de Israel
10 1-21
11 1-15 O resto de Israel já é uma prova 3. Deus não rejeitou seu povo e o salvará
16-24 A oliveira silvestre e a oliveira cultivada
25-32 A salvação de todo Israel
33-36 Conclusão hínica
12 1-2 O culto espiritual A resposta dos crentes
3-13 Humildade e caridade na comunidade
14-21 Caridade para com todos os homens, mesmo para com os inimigos
13 1-7 Submissão aos poderes civis
8-10 A caridade, resumo da Lei
11-14 O cristão é filho da luz
14 1-23 Caridade para com os “fracos”
15 1-13
14-21 O ministério de Paulo Epílogo
22-33 Projetos de viagem
16 1-16 Recomendações e saudações
17-20 Advertência. Primeiro pós-escrito
21-24 Últimas saudações. Segundo pós-escrito
25-27 Doxologia
Coríntios Primeira 1 1-9 Endereço e saudação. Ação de graças Preâmbulo
10-16 As divisões entre os fiéis I. Divisões e escândalos 1. Os partidos na igreja de Corinto
17-31 Sabedoria do mundo e sabedoria cristã
2 1-16
3 1-4
5-17 A verdadeira função dos pregadores
18-23 Conclusões
4 1-13
14-21 Admoestações
5 1-13 2. O caso de incesto
6 1-11 3. A apelação aos tribunais gentios
12-20 4. A fornicação
7 1-40 II. Soluções para problemas diversos 1. Casamento e virgindade
8 1-6 O aspecto teórico 2. As carnes sacrificadas aos ídolos
7-13 O ponto de vista da caridade
9 1-27 O exemplo de Paulo
10 1-13 O ponto de vista da prudência e as lições do passado de Israel
14-22 As refeições sagradas. Não pactuar com a idolatria
23-30 As carnes sacrificadas aos ídolos. Soluções práticas
31-33 Conclusão
11 1
2-16 A conduta dos homens e das mulheres 3. A boa ordem nas assembleias
17-34 A “Ceia do Senhor”
12 1-3 Os dons do Espírito ou “carismas”
4-11 Diversidade e unidade dos carismas
12-30 Comparação do corpo
31 A hierarquia dos carismas. Hino à caridade
13 1-13
14 1-25 Hierarquia dos carismas em vista do bem comum
26-40 Os carismas. Regras práticas
15 1-34 O fato da ressurreição III. A ressurreição dos mortos
35-53 O modo da ressurreição
54-58 Hino triunfal e conclusão
16 1-24 Recomendações, saudações, desejo final Conclusão
Segunda 1 1-11 Endereço e saudação. Ação de graças Preâmbulo
12-24 Por que Paulo modificou o plano de viagem I. Os incidentes passados
2 1-11
12-17 De Trôade à Macedônia. Digressão: o ministério apostólico
3 1-18
4 1-6
7-18 Tribulações e esperanças do ministério
5 1-10
11-21 O exercício do ministério apostólico
6 1-10
11-18 Expansões e advertências
7 1-4
5-16 Paulo na Macedônia e encontro com Tito
8 1-15 Motivos de generosidade II. Organização da coleta
16-24 Apresentação elogiosa dos enviados
9 1-5
6-15 Benefícios que resultarão da coleta
10 1-11 Resposta à acusação de fraqueza III. Apologia de Paulo
12-18 Resposta à acusação de ambição
11 1-33 Paulo constrangido a fazer seu próprio elogio
12 1-18
19-21 Apreensões e inquietudes de Paulo
13 1-10
11-13 Recomendações. Saudações. Voto final Conclusão
Gálatas 1 1-5 Endereço
6-10 Admoestação
11-24 O apelo de Deus I. Prova pelos fatos
2 1-10 Assembleia de Jerusalém
11-14 Pedro e Paulo em Antioquia
15-21 O Evangelho de Paulo
3 1-5 A experiência cristã II. Argumentação doutrinal
6-7 A tese de Paulo
8-14 Prova pela Escritura
15-18 A Lei não invalidou a promessa
19-22 Papel da Lei
23-29 Advento da fé
4 1-11 Filiação divina
12-20 Por que os gálatas mudaram?
21-31 As duas alianças: Agar e Sara
5 1-12 Conclusão: a liberdade cristã
13-26 Liberdade e caridade III. Exortações éticas. A verdadeira liberdade dos fiéis
6 1-10 Preceitos vários sobre a caridade e o zelo
11-18 Epílogo
Efésios 1 1-2 Endereço
3-14 O plano divino da salvação I. O mistério da salvação e da Igreja
15-23 Triunfo e supremacia de Cristo
2 1-10 Salvação gratuita em Cristo
11-22 A reconciliação dos judeus e dos gentios entre si e com Deus
3 1-13 Paulo, ministro do mistério de Cristo
14-21 A oração de Paulo
4 1-16 Apelo à unidade II. Exortação
17-32 A vida nova em Cristo
5 1-20
21-33 Moral doméstica
6 1-9
10-20 O combate espiritual
21-24 Notícias pessoais e saudação final
Filipenses 1 1-2 Endereço
3-11 Ação de graças e oração
12-26 Situação pessoal de Paulo
27-30 Lutar pela fé
2 1-11 Manter a unidade na humildade
12-18 Operar a salvação
19-30 Missão de Timóteo e de Epafrodito
3 1-21 O verdadeiro caminho da salvação cristã
4 1
2-9 Últimos conselhos
10-20 Agradecimentos pelos auxílios enviados
21-23 Saudações e voto final
Colossenses 1 1-2 Endereço Preâmbulo
3-14 Ação de graças e oração
15-20 Primado de Cristo I. Parte dogmática
21-23 Participação dos colossenses na salvação
24-29 Lutas de Paulo a serviço dos gentios
2 1-5 Cuidado de Paulo pela fé dos colossenses
6-8 Viver a verdadeira fé em Cristo não segundo vãs doutrinas II. Advertência contra os erros
9-15 Só Cristo é o verdadeiro Chefe dos homens e dos anjos
16-23 Contra a falsa ascese, segundo “os elementos do mundo”
3 1-4 A união com o Cristo celestie é o princípio da vida nova
5-17 Preceitos gerais de vida cristã III. Exortação
18-25 Preceitos particulares de moral doméstica
4 1
2-6 Espírito apostólico
7-9 Notícias pessoais
10-18 Saudações e voto final
Tessalonicenses Primeira 1 1 Endereço
2-10 Ação de graças e felicitações
2 1-12 A atitude de Paulo durante sua estada em Tessalônica
13-16 A fé e a paciência dos tessalonicenses
17-19 A preocupação do Apóstolo
3 1-5 O envio de Timóteo a Tessalônica
6-13 Ação de graças pelas notícias recebidas
4 1-12 Recomendações: santidade de vida e amor
13-18 Os mortos e os vivos na Vinda do Senhor
5 1-11 A vigilância aguardando a vinda do Senhor
12-22 Algumas exigências da vida comunitária
23-28 Última oração e despedida
Segunda 1 1-2 Endereço
3-12 Ação de graças e encorajamento. A última retribuição
2 1-12 A vinda do Senhor e o que a precederá
13-17 Exortação à perseverança
3 1-5
6-15 Advertência contra a desordem
16-18 Oração e despedida
Timóteo Primeira 1 1-2 Endereço
3-7 A ameaça dos falsos doutores
8-11 O verdadeiro papel da Lei
12-17 Paulo e sua vocação
18-20 Timóteo diante de suas responsabilidades
2 1-8 A oração litúrgica
9-15 Comportamento das mulheres
3 1-7 O epíscopo
8-13 Os diáconos
14-16 A Igreja e o mistério da piedade
4 1-16 Os falsos doutores
5 1-2 Os fiéis em geral
3-16 As viúvas
17-25 Os presbíteros
6 1-2a Os escravos
2b-10 Retrato do verdadeiro e do falso doutor
11-16 Solene admoestação a Timóteo
17-19 Retrato do cristão rico
20-21 Admoestação final e saudação
Segunda 1 1-5 Endereço e ação de graças
6-18 As graças recebidas por Timóteo
2 1-13 O sentido dos sofrimentos do apóstolo cristão
14-26 Luta contra o perigo atual dos falsos doutores
3 1-17 Advertência contra os perigos dos últimos tempos
4 1-8 Solene admoestação
9-18 Últimas recomendações
19-22 Saudações e voto final
Tito 1 1-4 Endereço e saudação
5-9 Instituição dos presbíteros
10-16 Luta contra os falsos doutores
2 1-10 Deveres particulares de certos fiéis
11-15 Fundamento dogmático dessas recomendações
3 1-7 Deveres gerais dos fiéis
8-11 Conselhos especiais a Tito
12-15 Recomendações práticas. Saudações e voto final
Filêmon 1-3 Endereço
4-7 Ação de graças e oração
8-21 Pedido em favor de Onésimo
22-25 Recomendações. Saudações
Hebreus 1 1-4 A grandeza do Filho de Deus encarnado Prólogo
5-14 O Filho
2 1-4 Exortação
5-18 Base escriturística: exegese do Sl 8 O sacerdócio de Cristo
3 1-6 Cristo é superior a Moisés A fé: caminho para o repouso divino
7-19 A fé introduz no repouso de Deus
4 1-13
14-16 Retomada do tema sacerdotal
5 1-10 Sacrifício terrestre: no dia de sua carne O sacerdócio de Cristo (continuação)
11-14 Vida cristã e teologia Chamada de atenção
6 1-8 O autor expõe sua intenção
9-18 Palavras de esperança e de encorajamento
19-20 Retomada do tema sacerdotal
7 1-3 Melquisedec O sacerdócio de Cristo (continuação)
4-10 Melquisedec recebeu o dízimo de Abraão
11-14 Do sacerdócio levítico ao de Melquisedec
15-19 A ab-rogação da prescrição anterior
20-25 Imutabilidade do sacerdócio de Cristo
26-28 Perfeição do Sumo Sacerdote celeste
8 1-5 O novo sacerdócio e o novo santuário Excurso: A superioridade do culto, do santuário e da mediação de Cristo sacerdote
6-13 Cristo mediador de aliança melhor
9 1-14 Cristo entra no santuário celeste
15-28 Cristo sela a nova Aliança pelo seu sangue
10 1-10 Ineficácia dos sacrifícios antigos O sacerdócio de Cristo (final)
11-18 A eficácia do sacrifício de Cristo
19-25 Transição
26-31 Perigo da apostasia
32-35 Motivos de perseverança
36-39 A espera escatológica A fé perseverante
11 1-40 A fé exemplar dos antepassados
12 1-4 O exemplo de Jesus Cristo
5-13 A educação paterna de Deus
14-17 Castigo da infidelidade
18-29 As duas alianças
13 1-6 Últimas recomendações Apêndice
7-9a Sobre a fidelidade
9b-16 Recapitulação
17-19 Obediência aos guias espirituais
20-21 Bênção final e doxologia
22-25 Bilhete de envio
Epístolas católicas São Tiago 1 1 Endereço e saudação
2-4 O benefício das provações
5-8 A súplica confiante
9-11 O destino do rico
12-15 A provação
16-27 Receber a Palavra e pô-la em prática
2 1-13 O respeito devido aos pobres
14-26 A fé e as obras
3 1-12 Contra a intemperança na linguagem
13-18 A verdadeira e a falsa sabedoria
4 1-12 Contra as discórdias
13-17 Admoestação aos ricos
5 1-6
7-11 A vinda do Senhor
12-20 Exortações finais
São Pedro Primeira 1 1-2 Endereço e saudação
3-5 Introdução. A herança concedida pelo Pai
6-9 Amor e fidelidade para com Cristo
10-12 A revelação profética do Espírito
13-21 Requisitos da vida nova. Santidade do neófito
22-25 A regeneração pela Palavra
2 1-3
4-10 O novo sacerdócio
11-12 Deveres dos cristãos: entre os gentios
13-17 Para com as autoridades
18-25 Para com os senhores exigentes
3 1-7 No matrimônio
8-12 Entre irmãos
13-17 Na perseguição
18-22 A ressurreição e a descida à mansão dos mortos
4 1-6 Rompimento com o pecado
7-11 À espera da Parusia
12-19 Felizes aqueles que sofrem com Cristo
5 1-4 Admoestações: aos anciãos
5-11 Aos fiéis
12-14 Último aviso. Saudações
Segunda 1 1-2 Endereço
3-11 A liberalidade de Deus
12-18 O testemunho apostólico
19-21 A palavra profética
2 1-3 Os falsos doutores
4-10a As lições do passado
10b-22 O castigo vindouro
3 1-2 O Dia do Senhor: os profetas e os apóstolos
3-10 Os falsos doutores
11-18 Novo apelo à santidade. Doxologia
São João Primeira 1 1-4 O Verbo encarnado e a comunhão com o Pai e o Filho Introdução
5-7 I. Caminhar na luz
8-10 Primeira condição: romper com o pecado
2 1-2
3-11 Segunda condição: observar os mandamentos, principalmente o da caridade
12-17 Terceira condição: preservar-se do mundo
18-28 Quarta condição: preservar-se dos anticristos
29 II. Viver como filhos de Deus
3 1-2
3-10 Primeira condição: romper com o pecado
11-24 Segunda condição: observar os mandamentos especialmente o da caridade
4 1-6 Terceira condição: preservar-se dos anticristos e do mundo
7-21 À fonte da caridade III. Às fontes da caridade e da fé
5 1-4
5-13 À fonte da fé
14-17 A oração pelos pecadores Complementos
18-21 Resumo da epístola
Segunda 1-3 Saudação
4-6 O mandamento da caridade
7-11 Os anticristos
12-13 Conclusão
Terceira 1-2 Saudação
3-8 Elogio de Gaio
9-11 Conduta de Diótrefes
12 Elogio de Demétrio
13-15 Epilogo
São Judas 1-2 Endereço
3-4 Ocasião
5-7 Os falsos doutores. O castigo que os ameaça
8-10 Suas blasfêmias
11-16 Sua perversidade
17-19 Exortações aos fiéis. O ensinamento dos apóstolos
20-23 Os deveres da caridade
24-25 Doxologia
Apocalipse 1 1-3 Prólogo
4-8 Endereço I. As cartas às Igrejas da Ásia
9-20 Visão preparatória
2 1-7 I. Éfeso
8-11 II. Esmirna
12-17 III. Pérgamo
18-29 IV. Tiatira
3 1-6 V. Sardes
7-13 VI. Filadélfia
14-22 VII. Laodiceia
4 1-11 Deus entrega o destino do mundo ao Cordeiro II. As visões proféticas 1. Os prelúdios do “grande dia” de Deus
5 1-14
6 1-17 O Cordeiro rompe os sete selos
7 1-8 Os que servem a Deus serão preservados
9-17 O triunfo dos eleitos no céu
8 1 O sétimo selo
2-5 As orações dos santos apressam a vinda do Grande Dia
6-13 As quatro primeiras trombetas
9 1-12 A quinta trombeta
13-21 A sexta trombeta
10 1-7 A iminência do castigo final
8-11 O livrinho engolido
11 1-13 As duas testemunhas
14-19 A sétima trombeta
12 1-17 Visão da Mulher e do Dragão
18 O Dragão transmite seu poder à Besta
13 1-10
11-18 O falso profeta a serviço da Besta
14 1-5 Os companheiros do Cordeiro
6-13 Os Anjos anunciam a hora do julgamento
14-20 A ceifa e a vindima das nações
15 1-4 O cântico de Moisés e do Cordeiro
5-8 As sete pragas das sete taças
16 1-21
17 1-7 A Prostituta famosa 2. O castigo de Babilônia
8-18 O simbolismo da Besta e da Prostituta
18 1-3 Um Anjo anuncia a queda de Babilônia
4-8 O povo de Deus deve fugir
9-24 Lamentações sobre Babilônia
19 1-10 Cantos de triunfo no céu
11-21 O primeiro combate escatológico 3. O extermínio das nações gentílicas
20 1-6 O reino de mil anos
7-10 O segundo combate escatológico
11-15 O julgamento das nações
21 1-8 A Jerusalém celeste
9-27 A Jerusalém messiânica
22 1-15
16-21 Epílogo
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s